30/09/2013

THE NIGHT OF THE DEVILS aka LA NOTTE DEI DIAVOLI: Uma Obra Prima do Horror Gótico Italiano.




Quando Mario Bava   dirigiu o Clássico: BLACK SABBATH em 1963, o segmento WURDALAK, inspirado na obra de Tolstoy, ficou eternizado pela performance de Boris Karloff e o sublime exercício de estilo do Diretor e suas singulares composições de imagens. Anos depois, em 1972, o também italiano: Giorgio Ferroni faz uma nova adaptação da história de Tolstoy sobre uma sinistra e vampiresca criatura: o Wurdalak, adaptando a trama para uma modernidade temporal, preservando    a trama central em uma ambientação isolada em um bosque, onde uma família vive em seu isolamento até a chegada de um forsteiro que teve problemas com seu carro. O tal forasteiro aparece na abertura do filme sendo resgatado por médicos que o encontram na floresta inconsciente. Seus delírios repletos de imagens abjetas de corpos despidos, gore e um crânio coberto por vermes rastejantes, aparece como um prelúdio da história que passa a ser recordada por ele em um longo flash back...



Os efeitos especiais de THE NIGHT OF THE DEVILS foram realizados pelo genial Carlo Rambaldi, que no mesmo ano chocou atodos com os polêmicos efeitos de A LIZARD IN A WOMAN’S SKIN, de Lucio Fulci. A trilha sonora de Giorgio Gaslini é excelente, muito atmosférica e de grande força diegética. Gaslini colaborou com Dario Argento na trilha de DEEP RED, ao lado dos Goblin. Existe na composição de Ferroni uma influência clara de Bava e Freda, mas ele consegue imprimir seu estilo e seu talento, já presentes no Clássico: THE MILL OF THE STONE WOMEN.. A recente edição restaurada e uncut de THE NIGHT OF THE DEVILS editada pela Raro Video é muito eficiente, tanto em termos de qualidade de imagem quanto de áudio. Essa edição restaurada foi também editada como Blu Ray. Um filme obrigatório para os fãs do Horror Cinematográfico Italiano que merece ser descoberto. Uma Obra Prima tão importante quanto os melhores filmes de Bava   e Argento. A sequência do ataque ao carro na floresta é sensacional. Nudez e violência em destaque   com bela composição auxiliada pela fotografia e cenografia inspiradas.








2 comentários:

Tony Sarkis disse...

Marcelo, ficou show o visual do blog!! Parabéns!!! E quanto ao filme já está na fila para fazer o download!! Obrigado por mais uma resenha espetacular!!

Marcelo Carrard disse...

Muito Obrigado pelo retorno.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...